Após virar alvo de bolsonaristas por voto contra Daniel Silveira, André Mendonça diz que 'é preciso separar o joio do trigo'

"É preciso separar o joio do trigo, sob pena de o trigo pagar pelo joio. Mesmo podendo não ser compreendido, tenho convicção de que fiz o correto", postou André Mendonça no Twitter

www.brasil247.com - André Mendonça
André Mendonça (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)


247 - O ministro Supremo Tribunal Federal (STF) André Mendonça, indicado para o cargo por Jair Bolsonaro, usou o Twitter para se defender dos ataques e críticas feitos por bolsonaristas após votar pela condenação do deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ). “Há formas e formas de se fazerem as coisas. E é preciso separar o joio do trigo, sob pena de o trigo pagar pelo joio. Mesmo podendo não ser compreendido, tenho convicção de que fiz o correto”, postou Mendonça na rede social. 

Em um outro post, o ministro disse que diante das várias manifestações sobre o meu voto ontem, sinto-me no dever de esclarecer que: [a] como cristão, não creio tenha sido chamado para endossar comportamentos que incitam atos de violência contra pessoas determinadas e como jurista, a avalizar graves ameaças físicas contra quem quer que seja”. 

O STF condenou o deputado federal bolsonarista Daniel Silveira nesta quarta-feira (20), por 10 votos a 1, a uma pena de  8 anos e 9 meses de prisão em regime inicialmente fechado por ataques às instituições, além de estimular atos antidemocráticos. O único divergente entre os ministros da Corte foi o de Kássio Nunes Marques, que também foi indicado por Jair Bolsonaro,  que pediu a absolvição do parlamentar. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email