Arquivamento de mais uma denúncia contra Lula comprova que ele, 'além de livre, é um homem inocente,' diz Gleisi Hoffmann

Deputada federal e presidente do PT, Gleisi Hoffmann, disse que a 19ª vitória de Lula na Justiça comprova a inexistência de fundamentos nas denúncias feitas contra o ex-presdiente

Gleisi Hoffmann e Lula
Gleisi Hoffmann e Lula (Foto: Reprodução/Facebook)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 - A presidente nacional do PT, deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), disse que o arquivamento do processo aberto contra Luiz Inácio Lula da Silva pela suspeita de tráfico de influência internacional e corrupção para beneficiar a construtora OAS comprova que o ex-presidente “além de estar livre é um homem inocente”. 

A declaração foi feita nesta segunda-feira (13), após a defesa de Lula divulgar que a juíza federal Maria Carolina Ayoub, da 9ª Vara Federal de São Paulo, determinou o arquivamento. Esta foi a 19ª vitória de Lula em processos movidos contra ele. 

continua após o anúncio

"Isso é muito importante para mostrar o que foi feito durante todo esse processo, a falta de seriedade nas denúncias apresentadas, o uso de delações sem critérios, sem provas. Mostra que toda luta que fizemos pela liberdade de Lula foi importante e o arquivamento agora comprova não haver fundamento [nas denúncias]. E hoje, o Lula, além de estar livre é um homem inocente", disse Gleisi ao UOL

A parlamentar também ressaltou que resta apenas um último processo em andamento contra o ex-presidente, referente à compra de caças suecos para a Força Aérea. Para ela, Lula também será inocentado, pois "não há base, nem provas" das acusações. "Foram processos colocados naquela onda do lavajatismo, de perseguição a Lula e ao PT", frisou. 

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247