"As portas do inferno não prevalecerão contra a nossa família”, diz Michelle Bolsonaro

Em meio ao escândalo dos pastores com o ex-ministro Milton Ribeiro, Michelle afirmou que “as portas do inferno não prevalecerão contra a nossa família”.

www.brasil247.com - Jair e Michele Bolsonaro
Jair e Michele Bolsonaro (Foto: Reprodução YouTube)


247 - A primeira-dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, participou neste sábado (2) da Marcha para Jesus, em Brasília, representando seu marido, Jair Bolsonaro (PL), que viajou para a Bahia para realizar uma motociata em alusão a independência do estado.

Em meio ao escândalo de pastores e após a prisão do ex-ministro Milton Ribeiro, apontados como pessoas próximas a primeira-dama, Michelle afirmou em seu discurso que “as portas do inferno não prevalecerão contra a nossa família”.

No discurso, a primeira-dama afirmou ainda que “nenhuma armadilha prosperará contra a nação”. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

> “O fio desencapado é a Michelle, que nunca foi investigada”, diz Paulo Pimenta

“Declaramos que esta nação é santa, edificada, liberta, curada pelo sangue precioso de Jesus, e as portas do inferno não prevalecerão contra a nossa família”, disse a primeira dama.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A marcha contou ainda com a participação dos ex-ministros Onyx Lorenzoni e Damares Alves, além do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email