Assessor de Marcos Rogério é preso pela PF em operação contra tráfico de drogas

Marcelo Guimarães Cortez Leite é apontado como parte de um grupo que transporta drogas entre Rondônia e o Ceará e que teria movimentado uma tonelada de cocaína em 15 dias

Marcos Rogério
Marcos Rogério (Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Em uma operação contra o tráfico de drogas, a Polícia Federal prendeu nesta quarta-feira (1), segundo Juliana Dal Piva, do UOL, o assessor do senador governista Marcos Rogério (DEM-RO) Marcelo Guimarães Cortez Leite. 

Marcos Rogério é um dos mais ferrenhos defensores do governo Jair Bolsonaro na CPI da Covid. Após a prisão, o senador exonerou o assessor.

A casa de Leite foi alvo de um mandado de busca e apreensão e a prisão preventiva decretada pelo juiz Luís Antônio Sanada Rocha, da 1ª Vara de Tóxicos e Delitos de Porto Velho, no âmbito da Operação Alcance.

PUBLICIDADE

Segundo a PF, o grupo, que transporta drogas entre Rondônia e Fortaleza, no Ceará, movimentou uma tonelada de cocaína e chegou a receber R$ 1,5 milhão em 15 dias. A verba seria lavada em Porto Velho, capital de Rondônia.

Em nota, a assessoria de Marcos Rogério diz que ele foi "surpreendido com a notícia de busca e apreensão na casa de um dos meus assessores, lotado no escritório de apoio parlamentar de Porto Velho, RO. Não tenho informações se existe ou não envolvimento na prática de algum ilícito, mas em decorrência das investigações em curso decidi exonerá-lo, aguardando maiores esclarecimentos dos fatos".

PUBLICIDADE

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email