CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Banheiros, o que há por dentro deles?

Em minhas viagens pelo Brasil e pelo mundo afora, tenho presenciado algumas cenas bizarras quando da utilização de banheiros públicos, ou de bares e restaurantes

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Em minhas viagens pelo Brasil e pelo mundo afora, tenho presenciado algumas cenas bizarras quando da utilização de banheiros públicos, de bares e restaurantes ou em terminais rodoviários, aeroviários e outros.

Recentemente, viajando para Belo Horizonte, no Aeroporto Luis Eduardo Magalhães, transpassamos o portão de embarque e fomos usar os banheiros, minha mulher e eu. Quando ela saiu me relatou que o banheiro feminino estava em um estado lastimável e com um terrível mau cheiro. Pedi que ela retornasse lá e tirasse uma foto, e foi aí que a coisa ficou séria. Uma cena bizarra. Passei a imaginar em que posição a criatura que se utilizou daquele equipamento colocou seu "orifício corrugado" para fazer aquela verdadeira obra de arte.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Mas não são somente os banheiros dos aeroportos e rodoviárias que são utilizados com tamanho descaso e falta de educação. Vejo isso em clínicas, bares, restaurantes, empresas, escolas, faculdades, enfim, todos os que não são das casas dos usuários. As pessoas usam o equipamento fazendo número um ou número dois, e não têm, sequer, o mínimo respeito pelo próximo deixando de dar a descarga no vaso sanitário. Por que será que agem assim? Será que em suas casas fazem isso também? Isso é pura falta de educação e exercício da cidadania.

Banheiros são locais destinados para que as pessoas façam suas necessidades fisiológicas ou tomem banho, a exemplo dos postos de combustíveis nas estradas. No entanto, nos banheiros públicos muitas coisas acontecem; uso de drogas, roubos, estupros, negociações, vandalismo, atos sexuais e troca de confidências entre amigos(as). Banheiro de bar serve também para uma conversa reservada ao telefone celular, quando alguém está na balada e diz ao parceiro(a) que estaria em reunião no escritório. O telefone toca e a pessoa corre para o banheiro para que seu par não escute o som e o burburinho das conversas de botequim.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Nas minhas andanças de outrora pelos bares da vida, me deparei com uma situação singular. Num pequeno bar que ficava no bairro de Patamares (Salvador), estávamos bebericando umas cervejas e fui ao banheiro tirar a famosa "água do joelho", quando me deparei com uma placa escrita a mão em um pedaço de papelão com os seguintes dizeres: "após usar o vaso, por favor puxe a cordinha da descarga. Se não souber ler pergunte ao garçom". Quase tive um troço de tanta risada que dei.

Em viagem pelo interior da Bahia, presenciei uma cena comum em tempos de política, a negociata. Na porta do banheiro de um Bar e Restaurante, um cabo eleitoral estava propondo a uma jovem a troca de votos por uma carteira de habilitação. Ele no corredor e ela sentada no vaso sanitário. Ele pagaria a autoescola e facilitaria para ela tirar a carta de motorista no valor de R$ 1.200,00 caso ela arranjasse os dez votos para o candidato que ele representava. Como ela não garantiu os votos, a barganha ficou em R$ 500,00 e ela completaria o restante, mas ele daria uma ajudinha extra para garantir sua aprovação.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Outro fato que me chamou a atenção, ocorrido no ano passado quando do aniversário da queda das Torres Gêmeas em Nova Iorque, dia 11 de setembro, em um voo de San Diego para Denver três pessoas foram presas, dois homens e uma mulher, porque um casal ficou muito tempo no banheiro e a tripulação, desconfiada que se tratasse de um atentado terrorista, acionou os órgãos de defesa. A aeronave foi escoltada por caças e desviada para Detroit, e, para surpresa de todos, eles estavam apenas fazendo sexo no banheiro do avião, que não deixa de ser um fetiche para muitas pessoas.

Por fim, quem não assistiu ao vídeo postado no Youtube por cinco jovens homossexuais fazendo uma performance da dança do bate cabelo dentro do banheiro do supermercado Extra? Se não viram, acessem porque é hilário. Durante a filmagem aparece uma pessoa que entra para usar o banheiro e se depara com aquela cena, no mínimo, inusitada.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

"A RIQUEZA DE UM PAÍS DEPENDE DA EDUCAÇÃO DO SEU POVO"

Ajax Amaral é administrador de empresas, professor e consultor de micro, pequenos e médias empresas

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO