CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

BNDES libera R$ 84 milhões para Arena Pernambuco

O valor representa 30% do total aprovado junto instituio financeira, atravs do programa BNDES ProCopa

BNDES libera R$ 84 milhões para Arena Pernambuco (Foto: Andréa Rêgo Barros/247)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Julliana Araújo_247 - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) liberou a primeira parcela do financiamento contratado pelo Consórcio Arena Pernambuco. O montante de R$ 84 milhões foi liberado, o que representa 30% do total aprovado junto à instituição financeira, através do programa BNDES ProCopa. O recurso será destinado à execução do estádio multiuso, que está sendo construído, no município de São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana do Recife (RMR), e que abrigará os jogos da Copa do Mundo de 2014, no Estado. O investimento total previsto para a construção da Arena é de R$ 532 milhões.

O Consórcio, formado por duas empresas do grupo Odebrecht, também teve R$ 70 milhões desembolsados, através de emissão de debêntures, com um banco comercial. Além do empréstimo privado e do total de R$ 280 milhões empenhados pelo BNDES, a estrutura de financiamento inclui a contratação de R$ 250 milhões junto ao Banco do Nordeste do Brasil (BNB). A operação do BNB já foi aprovada, e os contratos da transação estão em negociação.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Em janeiro deste ano, o BNDES aprovou o empréstimo de R$ 400 milhões para o Governo de Pernambuco, recurso que assume um papel de garantia. De acordo com a Odebrecht, em nenhum momento, os dois financiamentos permanecerão em aberto simultaneamente, uma vez que o valor só será liberado para o Estado no momento em que a concessionária quitar a sua dívida com o mesmo banco.

 

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247,apoie por Pix,inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Cortes 247

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO