Bolsonaro pretende esvaziar os poderes de Moro

Os amigos policiais de Bolsonaro e parte relevante da corporação policial querem a volta do ministério da Segurança Pública, ação que reduziria os poderes do ministro da Justiça, Sergio Moro, e poderia enfraquecê-lo em uma eventual disputa eleitoral em 2022

Jair Bolsonaro e Sérgio Moro
Jair Bolsonaro e Sérgio Moro (Foto: Adriano Machado/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 -  Mirando 2022, Bolsonaro pretende esvaziar os poderes de Sergio Moro, informa o jornalista Vinicius Torres Freire. 

“Os amigos policiais do presidente e parte relevante da corporação policial querem a volta do ministério. Gente mais bolsonarista e parte da família também acha conveniente recriar a pasta, a fim de diminuir Moro, em termos políticos e talvez eleitorais. Imaginam ainda tomar mais conta dos poderes de polícia e querem ações mais espetaculares na segurança”, diz o jornalista em sua coluna no jornal Folha de S.Paulo. 

O candidato à ocupar a principal vaga no novo ministério seria o ex-deputado Alberto Fraga (DEM), amigo de Jair Bolsonaro. A proposta de recriação do ministério foi confirmada ao Globo por pessoas próximas à presidência.

Sérgio Moro tem como uma de suas principais bandeiras como ministro o programa "Em Frente, Brasil", plano de segurança pública em cinco municípios. 

Aliados de Sérgio Moro temem que as funções do ex-juiz sejam esvaziadas. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247