Bolsonaro quer que Mandetta acabe com política de isolamento total

Jair Bolsonaro declarou na manhã desta quarta-feira (25) que irá se reunir com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, para impor o que ele chama de “isolamento vertical”, que tem como objetivo apenas o isolamento de pessoas idosas ou com comorbidades

Jair Bolsonaro e Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta
Jair Bolsonaro e Ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (Foto: Reprodução | Marcos Corrêa/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Jair Bolsonaro declarou na  manhã desta quarta-feira (25), durante coletiva de imprensa no Palácio do Planalto, que irá se reunir com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, para impor o que ele chama de “isolamento vertical”, que tem como objetivo apenas o isolamento de pessoas idosas ou com comorbidades. 

Bolsonaro insiste que o isolamento social irá paralisar a economia do país e classifica o coronavírus apenas como uma “gripezinha”. 

Ele também chamou os brasileiros que estão em quarentena, reclusos em casa, de “covardes” e chamou os governadores Wilson Witzel  e João Doria de “demagogos” pelas ações promovidas no combate a propagação do vírus. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247