Boulos sobre censura contra Juremir: ditadura começa assim

"Minha solidariedade ao jornalista Juremir Machado, que se demitiu ao vivo da Rádio Guaíba por sofrer censura após 'exigência' de Bolsonaro de receber perguntas apenas do âncora do programa. Ditadura começa assim. Parabéns pela honradez, Juremir!", disse o ex-presidenciável do Psol

Boulos sobre censura contra Juremir: ditadura começa assim
Boulos sobre censura contra Juremir: ditadura começa assim

247 - O ex-candidato a presidente da República Guilherme Boulos (Psol) prestou solidariedade ao jornalista Juremir Machado da Silva, que pediu demissão ao vivo nesta terça-feira (23) durante o programa Bom dia com Rogério Mendelski, na Rádio Guaíba, que é do grupo da TV Record (Universal). 

"Minha solidariedade ao jornalista Juremir Machado, que se demitiu ao vivo da Rádio Guaíba por sofrer censura após 'exigência' de Bolsonaro de receber perguntas apenas do âncora do programa. Ditadura começa assim. Parabéns pela honradez, Juremir!", escreveu Boulos no Twitter.

Após a despedida do candidato, Juremir perguntou: "posso dizer que fui censurado?". Mendelski respondeu: "claro que não...foi uma exigência do Bolsonaro. Normal".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247