Boulos: Temer não cai porque é sustentado por um sindicato de ladrões

''Temer não cai porque tem um sindicato de ladrões que o sustenta e não ha um nível de mobilização suficiente para derrubá-lo, a ele e a o sindicato de ladrões'', disse Guilherme Boulos, do MTST, no programa Havana Connection; ''Num momento de crise institucional brutal, com a Nova República falindo, e a esquerda com seus impasses, o sentimento de insatisfação e indignação acaba sendo canalizado para a abstenção – ou seja, não adianta nada, tô fora – ou para a antipolítica de terno ou de farda'', afirma

''Temer não cai porque tem um sindicato de ladrões que o sustenta e não ha um nível de mobilização suficiente para derrubá-lo, a ele e a o sindicato de ladrões'', disse Guilherme Boulos, do MTST, no programa Havana Connection; ''Num momento de crise institucional brutal, com a Nova República falindo, e a esquerda com seus impasses, o sentimento de insatisfação e indignação acaba sendo canalizado para a abstenção – ou seja, não adianta nada, tô fora – ou para a antipolítica de terno ou de farda'', afirma
''Temer não cai porque tem um sindicato de ladrões que o sustenta e não ha um nível de mobilização suficiente para derrubá-lo, a ele e a o sindicato de ladrões'', disse Guilherme Boulos, do MTST, no programa Havana Connection; ''Num momento de crise institucional brutal, com a Nova República falindo, e a esquerda com seus impasses, o sentimento de insatisfação e indignação acaba sendo canalizado para a abstenção – ou seja, não adianta nada, tô fora – ou para a antipolítica de terno ou de farda'', afirma (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O ativista Guilherme Boulos, do MTST, explicou por que Michel Temer ainda não foi defenestrado do cargo que usurpou da presidente legítima Dilma Rousseff, ao participar do programa Havana Connection.

''Num momento de crise institucional brutal, com a Nova República falindo, e a esquerda com seus impasses, o sentimento de insatisfação e indignação acaba sendo canalizado para a abstenção – ou seja, não adianta nada, tô fora – ou para a antipolítica de terno ou de farda'', diz Boulos.

 ''Temer não cai porque tem um sindicato de ladrões que o sustenta e não ha um nível de mobilização suficiente para derrubá-lo, a ele e a o sindicato de ladrões'', afirma.

Confira, aqui, a íntegra do debate, que contou ainda com Leonardo Sakamoto, Laura Capriglione e o deputado Jean Wyllys (Psol-RJ).

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247