CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Brasil é referência em políticas sociais e macroeconômicas

“Nos últimos dez anos ou um pouco mais que isso, o Brasil tem servido de referência para políticas sociais, e, mais que isso, para políticas macroeconômicas", declarou economista da Agência das Nações Unidas

Brasil é referência em políticas sociais e macroeconômicas (Foto: Bruno Spada/MDS)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

Agência Brasil - As políticas de fomento a produção, a demanda e a distribuição de renda desenvolvidas no Brasil se tornaram referência global, mesmo para as grandes economias. A avaliação foi feita hoje (12) pelo economista da Agência das Nações Unidas para Comércio e Desenvolvimento (cuja a sigla em inglês é Unctad), Alfredo Saad Filho, ao comentar o Relatório de Comércio e Desenvolvimento 2012 da entidade.

“Nos últimos dez anos ou um pouco mais que isso, o Brasil tem servido de referência para políticas sociais, e, mais que isso, para políticas macroeconômicas. Não só as fontes de crescimento, mas as fontes de inspiração de política econômica têm se diversificado também”, declarou Saad.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Segundo o relatório, 74% do crescimento econômico foi gerado nos países em desenvolvimento e 22% nos países desenvolvidos, entre os anos de 2006 e 2012. Apesar do dado positivo, na América Latina a desigualdade cresceu na década de 1990 em 14 de 19 países acompanhados pela agência na região. Hoje os níveis de desigualdade permanecem maiores do que nos anos 1990.

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO