“Brasil pode surpreender, com resultado eleitoral próximo do México”

Quem diz é o economista Márcio Pochamnn - o México elegeu seu primeiro presidente de esquerda: Andrés Manuel López Obrador; "O ataque insano aos governos Lula/Dilma e a defesa deslavada do golpe antidemocrático e do receituário neoliberal destruidor de direitos sociais e trabalhistas tornaram o PT o mais preferido do país", disse o estudioso 

“Brasil pode surpreender, com resultado eleitoral próximo do México”
“Brasil pode surpreender, com resultado eleitoral próximo do México” (Foto: Elza Fiúza - ABR)

247 - O economista Márcio Pochamnn avalia que o "Brasil pode surpreender, com resultado eleitoral próximo ao verificado no México" - em julho, o país elegeu seu primeiro presidente de esquerda: Andrés Manuel López Obrador

"O ataque insano aos governos Lula/Dilma e a defesa deslavada do golpe antidemocrático e do receituário neoliberal destruidor de direitos sociais e trabalhistas tornaram o PT o mais preferido do país", disse o estudioso no Twitter.

Pesquisa Ibope, divulgada nesta segunda-feira (20), aponta o PT como o partido preferido de 29% da população. O índice supera os 27% que, somados, escolheram as outras 34 legendas registradas no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Somente o PSDB, escolhido por 5% dos entrevistados, e outros quatro partidos - PDT, MDB, PSB e PSOL, com 2% cada um - obtiveram mais de 1% das menções.

Pochmann também criticou o governo Michel Temer. "Ao seguir o receituário neoliberal, a reforma trabalhista de Temer destroi direitos conquistados pela classe trabalhadora desde a década de 1930 no Brasil. Agora, a Latam Airlines anuncia a demissão de cerca de 1,3 mil empregados diretamente contratados em troca de terceirizados", disse.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247