Brasil teve 35 mil crianças e adolescentes assassinados em 5 anos, diz estudo

Os dados são referentes ao período de 2016 a 2020 e representam uma média de 7 mil por ano, de acordo com pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública e do Unicef

www.brasil247.com -


247 - O Fórum Brasileiro de Segurança Pública e o Unicef divulgaram nesta sexta-feira (22) um estudo apontando que, de 2016 a 2020, 35 mil crianças e adolescentes foram assassinados no Brasil, uma média de 7 mil por ano. O número de crianças até 4 anos mortas aumentou 27% em 2020. 

"É assustador. Pouquíssimos países no mundo tem mais de 7 mil mortes de crianças por ano. É um volume muito alto", afirmou Danilo Moura, Oficial de Monitoramento e Avaliação do Unicef no Brasil. O relato foi publicado pelo portal G1

O oficial destacou que os Estados Unidos, com uma população maior do que o Brasil, tem cerca de 4,5 mil mortes de crianças e adolescentes por ano. "A América Latina tem 8% da população mundial e quase metade dos homicídios de crianças, maior parte cometida no Brasil. Os níveis de violência são muito alarmantes", continuou. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email