Breno Altman: Lula continua a ser o único líder natural da oposição

O jornalista Breno Altman acredita que a campanha pela liberdade do ex-presidente Lula poderá ser o farol de resistência do campo progressista no próximo período de gestão Bolsonaro; em análise na TV 247, ele salienta que, "mesmo preso e impedido, Lula continua a ser a único líder natural da oposição; seus inimigos sabem muito bem disso, por isso seguem o mantendo preso"

Breno Altman: Lula continua a ser o único líder natural da oposição
Breno Altman: Lula continua a ser o único líder natural da oposição

TV 247 - O jornalista Breno Altman acredita que a campanha pela liberdade do ex-presidente Lula poderá ser o farol se resistência do campo progressista no próximo período de gestão Bolsonaro. Em análise feita na TV 247, ele salienta: "Mesmo preso e impedido, Lula continua a ser a único líder natural da oposição. Seus inimigos sabem muito bem disso, por isso seguem o mantendo preso". 

Altman considera que o governo Bolsonaro representa um novo grupo hegemônico das classes dominantes. “É um comando neofascista que agrega valores do grande capital financeiro e que atrai também o comando do Exército, a alta tecnocracia do Estado e ideólogos das correntes mais pesadas”, observa.

Ele ressalta ainda que o futuro governo não pode ser subestimado e que ele não “representa uma aventura de verão”. “Embora seja uma figura aventureira e caricata, ele representa um projeto estratégico novo e reagrupa a elite do País", expõe. 

O jornalista aponta que o ingresso de Sérgio Moro no ministério da Justiça representa a fusão dos setores da Lava Jato e do alto comando do Exército. “Uma situação que não vivemos sequer na ditadura”, alerta. 

"A ofensiva recente da Lava Jato contra o PT ao enquadrar Lula, Dilma e toda a cúpula do PT, réus por corrupção, deixa claro que o propósito é extirpar a capacidade da mobilização popular". 

No entanto, a esquerda não está morta, reforça o jornalista. “Seguimos com capacidade de ação, adesão popular, sindicatos ainda organizados e influência social”. Para ele, "como o projeto de resistência será organizado" é a grande questão. 

Lula

O jornalista acredita que, sem pressão popular, Lula será mantido sob cárcere. “O Lula livre ou o Lula em casa seria um prejuízo para o governo Bolsonaro incalculável. Por isso, os setores da justiça não aprovarão nenhuma medida favorável ao Lula. Querem mantê-lo preso até os últimos dias de sua vida”, denuncia.

“É o momento da esquerda reorganizar a luta pelo Lula livre e que coloque contra parede os algozes do ex-presidente, que são os mesmos que participam do governo Bolsonaro”. 

Ele salienta que, mesmo preso é impedido, Lula continua a ser a único líder natural da oposição. "Seus inimigos sabem muito bem disso, por isso seguem o mantendo preso", observa. 

Inscreva-se na TV 247 e confira a análise de Breno Altman 

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247