Candidata laranja do PSL diz ter sido ameaçada com arma por ex-assessor de ministro do Turismo

De acordo com o depoimento de Clauzenir Barbosa Pereira, que disputou o cargo de deputada estadual pelo PSL em Minas Gerais, o ex-assessor do ministro na Câmara, Haissander Souza de Paula, a teria ameaçado "colocando uma arma de fogo sobre a mesa" durante uma reunião como forma de intimidá-la ao "insistir na devolução de verbas"

(Foto: Marcos Correa/PR)

247 - Uma das candidatas que prestaram depoimento à Justiça eleitoral no âmbito das apurações sobre o esquema de candidaturas laranjas do PSl nas últimas eleições afirmou ter sido ameaçada com o uso de arma de fogo por um homem de confiança do  ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, para devolver o recurso referente ao seu financiamento de campanha.

De acordo com o depoimento de Clauzenir Barbosa Pereira, que disputou o cargo de deputada estadual em Minas Gerais, mas não foi eleita, o ex-assessor do ministro na Câmara Haissander Souza de Paula a teria ameaçado "colocando uma arma de fogo sobre a mesa" durante uma reunião como forma de intimidá-la ao "insistir na devolução de verbas".  

As investigações da Polícia Federal sobre o esquema de candidaturas laranjas do PSL resultaram na prisão do assessor especial do Ministério do Turismo Mateus Von Rondon na semana passada. Ele é apontado como o elo de ligação do partido e as empresas envolvidas no esquema.  

Em Minas, também na semana passada, a Polícia Federal prendeu Roberto Silva Soares que coordenou a campanha de Álvaro Antônio no Estado e foi seu assessor na Câmara dos Deputados, em períodos compreendidos de 2015 a 2018. (Leia mais sobre o assunto no Brasil 247).

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247