Chuvas seguem intensas em Minas até terça

Municpios mineiros comearam a receber kits de emergncia enviados pelo Ministrio da Sade para a populao afetada

Chuvas seguem intensas em Minas até terça
Chuvas seguem intensas em Minas até terça (Foto: MARIO ÂNGELO/Agência Estado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Diego Iraheta _247 - Até terça-feira, 10, as chuvas devem continuar fortes em Minas Gerais. O maior volume de precipitações está previsto para o noroeste do estado. Nos seis primeiros dias do mês, choveu 77% do que era esperado para janeiro. Por isso, a Defesa Civil segue em alerta nos 103 municípios que decretaram estado de emergência.

O número de cidades em situação de risco não subiu, de acordo com o mais recente boletim emitido pelas autoridades estaduais. Mas a força das águas aumenta o risco de deslizamento de encostas - principalmente porque o solo já está saturado.

No momento, são mais de 11 mil pessoas desalojadas. Desde o início da estação chuvosa, 2,1 milhões foram afetadas.

Ajuda federal

Os municípios mineiros mais gravemente atingidos pelas chuvas começaram a receber os medicamentos enviados pelo Ministério da Saúde. Foram postadas até sábado, 7, oito toneladas de remédios - uma medida emergencial para atender desalojados e desabrigados pelas chuvas, além de feridos. No total, os 40 kits podem beneficiar 60 mil pessoas ao longo de um mês.

Entre as medicações postadas, estão antibióticos, antiinflamatórios, remédios contra hipertensão e contra contaminação por parasitas. Os conjuntos também contêm materiais de primeiros-socorros, como esparadrapos, luvas e seringas para uso dos médicos.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email