Ciro volta a agredir Lula e diz que ex-presidente pretende indultar companheiros

Presidenciável do PDT segue atacando o ex-presidente Lula, mas não tem conseguido votos para passar para o segundo turno

www.brasil247.com -
(Foto: Reprodução | ABr)


247 - Pré-candidato à Presidência pelo PDT, Ciro Gomes usou o indulto que Jair Bolsonaro concedeu ao deputado bolsonarista Daniel Silveira (PTB-RJ), condenado esta semana a 8,9 anos de prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por ataques à democracia e as instituições, para atacar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que lidera a disputa pela Presidência da República, segundo todas as pesquisas eleitorais. 

“O fato de Lula não ter condenado o decreto escandaloso de Bolsonaro só pode dever-se a duas razões. Ambas extremamente condenáveis. Primeiro, ele já se julga eleito, e acha que não deve satisfação a ninguém, nem às instituições”, postou Ciro Gomes no Twitter. 

Segundo a última pesquisa XP/Ipespe, divulgada esta semana, no primeiro turno, o ex-presidente Lula registra 45% das intenções de voto. Nas duas pesquisas anteriores da XP/Ipespe, ele havia registrado 44%. Já Bolsonaro subiu para 31%, quando nas anteriores havia registrado 26% e 30%.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Dos candidatos da chamada “terceira via”, Ciro Gomes (PDT) tem 8%, enquanto os outros candidatos somam 7% — João Doria (PSDB), 3%; André Janones (Avante), 2%; Simone Tebet (MDB), 2%. Os outros candidatos, Felipe d’Avila (Novo), Eymael (DC) e Vera Lúcia (PSTU), não pontuaram.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A pesquisa ouviu 1.000 pessoas por telefone entre 18 e 20 de abril e foi registrada na Justiça Eleitoral com o número BR-05747/2022. A margem de erro máximo estimada é de 3,2%. 

Confira a postagem de Ciro Gomes. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

 

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE


Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email