Cocaína transportada por militar em avião da FAB vale R$ 5,8 milhões na Espanha

O segundo-sargento da Aeronáutica foi flagrado e preso portando 39 quilos de cocaína depois de desembarcar do avião da comitiva presidencial em Sevilha, na Espanha

247 - O segundo-sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues, que transportou droga em avião da comitiva presidencial da FAB até Sevilha, levava uma quantidade de cocaína equivalente a R$ 5,8 milhões na Espanha, segundo dados do Escritório para Drogas e Crime da Organização das Nações Unidas (UNODC).

A varejo, o quilo de cocaína na Espanha pode custar ate R$ 246 mil, de acordo com a ONU. O valor também pode chegar a R$ 148 mil se comprado no atacado. O cálculo se baseou na compra a atacado, considerando o câmbio atual.

O segundo-sargento pode pegar, no máximo, 5 anos de prisão caso seja julgado pelo Código Penal Militar. O mesmo crime pode levar a 15 anos de reclusão se cometido por civis.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247