“Comunicação do PT e do governo tem que melhorar”, diz Zeca Dirceu

“Nós vivemos em um período de muito mentiras, que começaram a ser desfeitas”, lembrou o líder do PT na Câmara dos Deputados, o deputado federal Zeca Dirceu

Zeca Dirceu
Zeca Dirceu (Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 — O líder do PT na Câmara dos Deputados, o deputado federal Zeca Dirceu, afirmou, em entrevista à TV 247, que a “comunicação do PT e do governo tem que melhorar” para combater a influência da extrema direita na sociedade.

Apontando que acredita na capacidade do governo Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de influenciar a população através de medidas práticas, benéficas para o povo, o deputado destacou a importância da comunicação. “Nós vivemos em um período de muito mentiras, que começaram a ser desfeitas”, lembrou.

continua após o anúncio

Segundo ele, “pessoas de boa fé” acreditaram nas fake news bolsonaristas, e é importante melhorar a comunicação do PT e do governo. O que vai acalmar o ambiente, diz, “é a nossa capacidade de comunicação e de articulação política”.

“No campo da comunicação, nós temos muito ainda a fazer. Falei isso na última reunião da Executiva Nacional do PT. É um dos partidos mais ricos do país, com um orçamento gigantesco. Avançou na questão da comunicação, melhorou nos últimos, mas ainda tem muito a fazer”, destacou.

continua após o anúncio

“E o próprio governo, por questões até burocráticas e estruturais, não conseguiu montar seu aparato de comunicação. A Secom [Secretária de Comunicação do governo federal], por exemplo, nem existia mais, havia sido destruída e transformada em uma ação paralela, criminosa e ilegal que era o Gabinete do Ódio coordenada pelo Carluxo [Carlos Bolsonaro]”, continuou.

Veja:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247