Conselho de Ética da Câmara abre processo contra 5 deputados do PSL

Entre os deputados estão Alê Silva (MG), Bibo Nunes (RS), Carla Zambelli (SP), Carlos Jordy (RJ), Coronel Tadeu (SP), Daniel Silveira (RJ) e Filipe Barros (PR)

Dep. Carla Zambelli (PSL-SP)
Dep. Carla Zambelli (PSL-SP) (Foto: Najara Araújo/Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados decidiu nesta quarta-feira (11) abrir sete processos para apurar se os deputados do PSL por possível quebra de decoro parlamentar.

Entre os deputados estão Alê Silva (MG), Bibo Nunes (RS), Carla Zambelli (SP), Carlos Jordy (RJ), Coronel Tadeu (SP), Daniel Silveira (RJ) e Filipe Barros (PR).

Dois processos forma abertos na semana passada para apurar as condutas de Filipe Barros e Carla Zambelli.

Os processos abertos nesta quarta foram abertos a pedido do próprio PSL, com exceção do Coronel Tadeu, que foi aberto a pedido da bancada do PT para apurar a conduta do parlamentar que vandalizou cartaz com a charge que tratava sobre o genocídio da juventude negra.

Com a abertura dos processos, o presidente do conselho, deputado Juscelino Filho (DEM-MA), irã definir os relatores.

No caso dos parlamentares do PSL, a maior parte dos pedidos se refere à questões de fidelidade partidária diante do racha com bolsonaristas.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247