Coordenador do Prerrogativas diz que candidatura de Moro a presidente será "escárnio"

"Como juiz, ele interferiu no resultado das eleições de 2018 e trabalhou como ministro para o candidato que ajudou a ganhar", diz Marco Aurélio Carvalho, coordenador do Prerrogativas

Advogado Marco Aurélio de Carvalho e o ex-juiz Sérgio Moro
Advogado Marco Aurélio de Carvalho e o ex-juiz Sérgio Moro (Foto: Brasil 247 / Divulgação)


✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 na comunidade 247 no WhatsApp e siga o canal do Brasil 247 no WhatsApp.

247 - O coordenador do grupo de advogados e juristas Prerrogativas, Marco Aurélio de Carvalho, afirma que a eventual candidatura de Sergio Moro à Presidência é "um escárnio e um tapa na cara".

"Como juiz, ele interferiu no resultado das eleições de 2018 e trabalhou como ministro para o candidato [Jair Bolsonaro] que ajudou a ganhar. Teve seu trabalho como magistrado desmoralizado. Mas jamais foi punido. E agora será candidato?", questiona. 

Moro deve se filiar ao Podemos nos próximos dias e pode tanto concorrer à Presidência como ao Senado, pelo Paraná ou por São Paulo, informa a jornalista Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo.

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

continua após o anúncio

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

continua após o anúncio

Ao vivo na TV 247

Cortes 247