Coronavírus: indústria automotiva do Brasil para completamente

A tentativa de conter a propagação do novo coronavírus e a ausência de demanda pela redução do consumo são fatores que influenciaram a decisão individual de empresas automotivas no Brasil e no mercado internacional

Data: 09/11/2012      
Editoria: Empresas
Reporter: Eduardo Laguna
Local: Fabrica da Hyundai em Piracicaba, SP                
Detalhe: Inauguracao oficial da fabrica da Hyundai em Piracicaba.
Setor: Industria automotiva
Personagem: Linha de produca
Data: 09/11/2012 Editoria: Empresas Reporter: Eduardo Laguna Local: Fabrica da Hyundai em Piracicaba, SP Detalhe: Inauguracao oficial da fabrica da Hyundai em Piracicaba. Setor: Industria automotiva Personagem: Linha de produca (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Segundo a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), todas as 65 fábricas responsáveis pela produção de carros, caminhões e máquinas agrícolas do Brasil fecharam ou ficarão paradas nos próximos dias. A informação é da revista Auto Esporte.

As empresas decidiram de forma individual, para conter a propagação do novo coronavírus. A ausência de demanda é outro fator relevante, uma vez que o consumo caiu drasticamente, cessando as atividades da maior parte das concessionárias de todo o país.

As medidas adotadas não são exclusivas do mercado automotivo brasileiro. Várias empresas e montadoras do mundo todo também decidiram pela paralização de suas atividades produtivas. 

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247