Corpo do menino Juan será exumado no Rio

Pedido de exumao foi feito pelo advogado dos quatro policiais acusados de terem assassinado a criana de 11 anos, em junho



Agência Brasil - O corpo do menino Juan Moraes, 11 anos, será exumado hoje (17) à tarde, a pedido do advogado de defesa dos quatro policiais do 20º Batalhão de Mesquita, no Rio, acusados de terem assassinado a criança. A informação foi dada pela assessoria da Polícia Civil.

De acordo com o órgão, peritos da Divisão de Polícia Técnica do Instituto de Criminalística Carlos Éboli e do Instituto Médico Legal (IML) vão fazer a perícia. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense é responsável pelas investigações.

O pedido de exumação do corpo, que havia sido identificado como de Juan por um exame de DNA, partiu do defensor público Antônio Carlos de Oliveira e foi deferido pela juíza da 4ª Vara Criminal de Nova Iguaçu, Larissa Nunes Pinto Salles, no último dia 5.

O defensor alega que o corpo foi inicialmente tratado como de uma menina e que a coluna cervical estava intacta, logo não haveria a perfuração do pescoço por fuzil, como alega a Delegacia de Homicídios.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Juan Moraes foi morto e teve o corpo desaparecido na comunidade Danon, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, em 30 de junho. No laudo preliminar, um cadáver encontrado no Rio Botas foi identificado como do sexo feminino. Após um exame de DNA, a chefe da Polícia Civil Martha Rocha lamentou o erro e disse que o corpo era do menino.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email