Deputados do PT acionam na justiça empresário bolsonarista que ameaçou Lula

Presidente do PT, Gleisi Hoffmann, e os deputados Rui Falcão e Paulo Teixeira, pediram ao Ministério Público de São Paulo que investigue o apoiador de Jair Bolsonaro que ameaçou de morte o ex-presidente Lula em vídeo

Empresário bolsonarista José Sabatini ameaça o ex-presidente Lula
Empresário bolsonarista José Sabatini ameaça o ex-presidente Lula (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A deputada Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, e os deputados Rui Falcão e Paulo Teixeira protocolaram uma notícia-crime no Ministério Público de São Paulo pedindo investigação da ameaça de morte feita ao ex-presidente Luiz Inácio lula da Silva

No documento, os parlamentares pedem abertura de investigação dos crimes de ameaça e calúnia contra Lula, após circular nas redes sociais vídeo em que aparece um homem que atira com arma de fogo e ameaça o ex-presidente Lula de morte. Ele foi identificado como José Sabatini, empresário de Artur Nogueira, cidade a 150 km de São Paulo.

Pelas redes sociais, a deputada Gleisi Hoffmann já havia anunciado que medidas legais seriam tomadas contra o autor do vídeo contra Lula. 

O advogado e ex-deputado federal Wadih Damous cobrou a  imediata prisão do bolsonarista. “O que está faltando para que o Ministério Público peça a prisão preventiva desse indivíduo?” questionou.


Leia a notícia-crime protocolada pelos deputados do PT:

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email