Derrotado no Supremo, Bolsonaro quer projeto de lei contra conselhos

Uma das mais duras derrotas políticas do governo Bolsonaro nesta semana ocorreu no Supremo Tribunal Federal, que formou maioria contra o decreto do presidente que extingue órgãos colegiados da administração federal, como conselhos, comitês e comissões; depois desse revés, Bolsonaro quer enviar um projeto de lei restaurando o teor do decreto

Derrotado no Supremo, Bolsonaro quer projeto de lei contra conselhos
Derrotado no Supremo, Bolsonaro quer projeto de lei contra conselhos (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)

247 - Uma das mais duras derrotas políticas do governo Bolsonaro nesta semana ocorreu no Supremo Tribunal Federal, que formou maioria contra o decreto do presidente que extingue órgãos colegiados da administração federal, como conselhos, comitês e comissões. Depois desse revés, Bolsonaro quer enviar um projeto de lei restaurando o teor do decreto.

É o que informa a repórter Talita Fernandes da Folha de S.Paulo.

A reportagem cita declaração do general Otávio Rêgo Barros, porta-voz da Presidência da República: "O presidente entende que é necessário o reconhecimento e, mais que o reconhecimento, reforçar a independência dos três Poderes. Então, aquilo que foi julgado há pouco pelo STF é perfeitamente entendido pelo presidente. E por considerar que o fato em si precisa ser reforçado, o presidente há de retornar com um instrumento legal, provavelmente um projeto de lei, para apresentar esta modificação partindo desta feita do próprio Congresso Nacional".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247