Desmoralizado, governo brasileiro "reage" à questão da soberania com seu porta-voz

Desmoralizado internacionalmente, o governo brasileiro tentou reagir às declarações do presidente francês, Emmanuel Macron, sobre a internacionalização jurídica da Amazônia. A tentativa de reação veio fraca, com o porta-voz Otávio do Rêgo Barros dizendo que a soberania do país "não está em discussão"

Octavio Rego Barros
Octavio Rego Barros (Foto: Wilson Dias / Agência Brasil)

247 - Desmoralizado internacionalmente, o governo brasileiro tentou reagir às declarações do  presidente francês, Emmanuel Macron, sobre a internacionalização jurídica da Amazônia.  A tentativa de reação veio fraca, com o porta-voz Otávio do Rêgo Barros dizendo que a soberania do país "não está em discussão"

A reportagem do jornal O Globo destaca que Rêgo Barros "afirmou que sobre a floresta localizada no território nacional falam apenas o Brasil, suas Forças Armadas e sua sociedade. 'Não há discussão sobre a soberania do país'."

A matéria ainda sublinha que "a resposta à imprensa foi dada na saída do Ministério da Defesa, ondeBolsonaro se reuniu com ministros  para discutir a crise envolvendo a Amazônia Legal. O presidente deixou o local sem falar com os repórteres."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247