Dilma celebra “a força e a coragem das mulheres”

Pelo Twitter, presidente relembra conquista das mulheres nos últimos anos no Brasil; "dos 36 milhões de brasileiros que saíram da extrema pobreza, mais da metade são mulheres. Dos 42 milhões de brasileiros que ascenderam à classe média, mais da metade são mulheres. Assim como dos 4,5 milhões de empregos criados nos últimos 3 anos, mais da metade são de mulheres", destacou Dilma Rousseff, que fará pronunciamento em rádio e TV na noite deste sábado, Dia Internacional da Mulher

Pelo Twitter, presidente relembra conquista das mulheres nos últimos anos no Brasil; "dos 36 milhões de brasileiros que saíram da extrema pobreza, mais da metade são mulheres. Dos 42 milhões de brasileiros que ascenderam à classe média, mais da metade são mulheres. Assim como dos 4,5 milhões de empregos criados nos últimos 3 anos, mais da metade são de mulheres", destacou Dilma Rousseff, que fará pronunciamento em rádio e TV na noite deste sábado, Dia Internacional da Mulher
Pelo Twitter, presidente relembra conquista das mulheres nos últimos anos no Brasil; "dos 36 milhões de brasileiros que saíram da extrema pobreza, mais da metade são mulheres. Dos 42 milhões de brasileiros que ascenderam à classe média, mais da metade são mulheres. Assim como dos 4,5 milhões de empregos criados nos últimos 3 anos, mais da metade são de mulheres", destacou Dilma Rousseff, que fará pronunciamento em rádio e TV na noite deste sábado, Dia Internacional da Mulher (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – A presidente Dilma Rousseff celebrou pelo Twitter, neste sábado "a força e a coragem das mulheres", e destacou as últimas conquistas femininas no País, nos últimos anos. A presidente anunciou ainda que fará um pronunciamento, na noite deste sábado, pelo Dia Internacional da Mulher.

"Hoje é o dia de celebrar a força e a coragem das mulheres. Nos últimos anos, dos 36 milhões de brasileiros que saíram da extrema pobreza, mais da metade são mulheres. Dos 42 milhões brasileiros que ascenderam à classe média, mais da metade são mulheres. Assim como dos 4,5 milhões de empregos criados nos últimos 3 anos, mais da metade são de mulheres", escreveu Dilma.

"Quando o esforço e a determinação da mulher, o apoio de suas famílias se encontram com os programas do governo para a mulher, abre-se um caminho de oportunidades. Hoje à noite farei pronunciamento em rádio e TV para falar dessas e de outras conquistas obtidas pelo esforço de cada uma de vocês", continuou a presidente.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email