Diplomatas temem que Bolsonaro cometa gafes na ONU

Funcionários da Chancelaria brasileira estão preocupados com a possibilidade de Jair Bolsonaro cometer gafes e falar impropriedades na Organização das Nações Unidas, onde, por tradição desde que a Organização foi criada, o Brasil faz a fala inaugural da Assembleia Geral. Os embates dos últimos dias entre Bolsonaro e o presidente francês Emmanuel Macron reforçaram estes temores

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Funcionários da Chancelaria brasileira estão preocupados com a possibilidade de Jair Bolsonaro cometer gafes e falar impropriedades na Organização das Nações Unidas, onde, por tradição desde que a Organização foi criada, o Brasil faz a fala inaugural da Assembleia Geral.  

Reportagem de Eliane Oliveira e Gustavo Maia aponta que o dia 24 de setembro é esperado com ansiedade por setores da diplomacia brasileira. 

É nessa data que, como acontece todos os anos, tradicionalmente, o Brasil abre a reunião da Assembleia Geral das Nações Unidas.   

O temor generalizado é que Jair Bolsonaro cometa gafes, fale impropriedades, e dê opiniões críticas, como tem feito reiteradamente desde a campanha eleitoral do ano passado, às instituições multilaterais.   

São fortes os receios de que Bolsonaro não meça suas palavras e não informe corretamente os demais  líderes internacionais sobre as providências que seu governo tem tomado para combater as queimadas na Floresta Amazônica.   

Os temores dos diplomatas são baseados em outras atuações de Bolsonaro em fóruns internacionais, onde tomou atitudes e usou expressões que envergonham o país e criam situações de constrangimento com outros chefes de Governos e Estados.

Os embates dos últimos dias entre Bolsonaro e o presidente francês Emmanuel Macron reforçaram estes temores.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email