Ditadura tentou “fechar” a Banda de Ipanema

Governo militar considerada "subversiva" a banda criada pela turma do jornal O Pasquim, que já teve participação até de Chico Buarque e Leila Diniz; veja documentos publicados pelo blog Documentos Revelados

Ditadura tentou “fechar” a Banda de Ipanema
Ditadura tentou “fechar” a Banda de Ipanema (Foto: Divulgação)

Por Aluizio Palmar, do blog Documentos Revelados – Em 1964 a turma do jornal O Pasquim criava a Banda de Ipanema. Até Chico Buarque e Leila Diniz já foram porta-bandeiras do bloco, e na época da ditadura militar, como tudo era proibido, menos futebol e carnaval, a banda soube fazer belas críticas políticas ao governo do período.

Num relatório escrito pelo comissário de polícia Deuteronio Rocha dos Santos, ele acusa a Banda de Ipanema de praticar atos subversivos, como o uso de slogans tipo "república livre de ipanema" e "praça é do povo".

"Não há, pois, a mais tênue dúvida quanto às finalidades da Banda de Ipanema referente aos postulados que norteiam a preservação da moral e dos costumes brasileiros, pois como vimos, suas atividades sob alegação de reativar o carnaval carioca voltam-se para a prática de atos que visam à dissociaçao da familia, na pessoa do cidadão desavisado, que induzido pela propagranda sensacionalista".

Veja por este e por este link os documentos em extensão PDF.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247