Doações de comida despencam na pandemia; saiba como contribuir

As doações de comida despencaram na pandemia, reflexo da grave crise econômica que o país enfrenta. Apenas em 2020, um total de 19 milhões de brasileiros sofreram com a fome. Saiba como contribuir no combate à fome

Siga o Brasil 247 no Google News

247 - A fome bate na porta da casa dos brasileiros e as doações de comida despencaram na pandemia, reflexo da grave crise econômica que o país enfrenta. Apenas em 2020, um total de 19 milhões de brasileiros sofreram com a fome. Ele estão entre as 116,8 milhões de pessoas que registraram algum grau de insegurança alimentar no final do ano passado, o que alcança a 55,2% dos domicílios.

Neste contexto grave de insegurança alimentar, reportagem do jornal O Globo  fez um levantamento de ongs que produzem trabalho na distribuição de alimentos. Confira abaixo e saiba como doar: 

 

PUBLICIDADE

 Amor que move

O projeto oferece marmitas para pessoas em situação de desamparo em Brasília. A distribuição é feita às segundas e quartas nos hospitais regionais de Ceilândia (HRC) e Taguatinga (HRT). Além de alimentos, a iniciativa também recebe doações de material de limpeza, utensílios para casa, materiais de construção e contribuições financeiras.

Contato para doações: (61) 8116-7008 / 9239-5151 ou depósitos por PIX: 016.495.281-08 (CPF).

PUBLICIDADE

www.instagram.com/grupoamorquemovebsb/

Amparaí

O projeto da ONG Misturaí distribui diariamente refeições para pessoas em situação de vulnerabilidade social em Porto Alegre, RS. Doações pelo site www.apoia.se/misturai ou por PIX: [email protected]

PUBLICIDADE

G10 Favelas - #PanelasVazias

A iniciativa de líderes das dez maiores comunidades do país distribui cestas básicas a famílias carentes. Doações em alimentos: Rua Itamotinga 100, Paraisópolis. Doações em dinheiro: PIX: 12.772.787/0001-99 (CNPJ).

Movimento União Rio

PUBLICIDADE

Acessar o site clicando aqui. Para contribuir com o Mesa Brasil Sesc RJ, a entidade disponibiliza o email [email protected] para contatos.

Panela cheia

O movimento organizado pela Central Única das Favelas (CUFA), Gerando Falcões e Frente Nacional Antirracista arrecada recursos para a compra de 2 milhões de cestas básicas para instituições de todo o país.

Doações no site:

www.panelacheiasalva.com.br

Rio Negro, nós cuidamos!

A campanha arrecada recursos para comprar alimentos, produtos de higiene e ações de comunicação em saúde voltadas para 23 povos indígenas da Amazônia. A iniciativa é coordenada pela Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro (FOIRN). Contato por Whatsapp: (97) 9840-61078 ou (97) 9810-44598

Santa Casa de Misericórdia de Piedade

De leitos de UTI a dinheiro, doações podem ser feitas ao hospital. Contatos pelo número (15) 3244-8200 ou pela Associação Comercial e Industrial de Piedade (Acip): (15) 3344-9770.

SP Invisível

O dinheiro arrecadado com a venda de exemplares do livro da ONG, “A pandemia que ninguém vê”, é dirigido a ações de apoio a moradores em situação de rua de São Paulo. Para comprar o livro: www.lojainvisivel.org/product-page/SPinvisivel. Para doações: www.spinvisivel.org/doar

Tem gente com fome

A campanha nacional de financiamento coletivo arrecada fundos para ações emergenciais de enfrentamento à fome, à miséria e à violência durante a pandemia. É possível contribuir com valores a partir de R$10, para ajudar 222.895 famílias vulneráveis. A iniciativa é organizada por Coalizão Negra Por Direitos, Anistia Internacional, Oxfam Brasil, Redes da Maré, Ação Brasileira de Combate às Desigualdades, 342 Artes, Nossas — Rede de Ativismo, Instituto Ethos, Orgânico Solidário e Grupo Prerrô. Depósitos por PIX: 11.140.583/0001-72 (CNPJ). www.temgentecomfome.com.br/#block-36324

Você tem fome de quê?

Organizada pelo Coletivo Resistência Preta (CRP), a campanha arrecada cestas básicas e materiais de higiene para distribuição em dez comunidades de Salvador, Bahia. Combinar entrega por telefone: (71) 99117-8531 ou (71) 99688- 0599. Doações por PIX: 30.800.325.0001- 29 (CNPJ). www.instagram.com/coletivoresistenciapreta

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email