Dodge quer remeter processos contra Gleisi e Paulo Bernardo para Curitiba

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, encaminhou pedido ao STF para que os processos contra a deputada Gleisi Hoffmann sejam remetidos para a 13ª Vara Federal de Curitiba

(Foto: Lula Marques)

247 - A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, encaminou pedido ao Supremo Tribunal Federal (STF) para que os processos  contra a deputada federal Gleise Hoffmann (PT-PR) e o ex-ministro Paulo Bernardo sejam encaminhados para a 13ª Vara Federal de Curitiba.

A PGR argumenta que, como Gleisi deixou de ser senadora e passou a ser deputada, perdeu o foro privilegiado nessa investigação. A medida se baseia na decisão do STF que, em maio de 2018, determinou que os parlamentares só têm foro para casos relacionados ao mandato atual e que tenham relação com o cargo.

Em março do ano passado, o relator da Lava Jato no STF, ministro Luiz Edson Fachin, dividiu o processo e enviou a parte para a Justiça Federal do Distrito Federal.

Dodge afirma que os fatos investigados estão ligados à Lava Jato e que devem ser julgados por um juízo único, no caso a 13ª Vara Federal de Curitiba.

Conheça a TV 247

Mais de Brasil

Ao vivo na TV 247 Youtube 247