Eduardo Bolsonaro ironiza sigla LGBT e internauta não perdoa: "Faltou o Q de Queiroz"

"O conceito de LGBT foi atualizado", escreveu o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) que publicou uma foto em que ironiza a sigla LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros). "Faltou o Q de Queiroz!", disse um internauta

(Foto: Reprodução)

247 - O deputado federal Eduardo Bolsonaro publicou uma foto em que ironiza a sigla LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros). Num vídeo, ele aprece usando uma camiseta em que a sigla da comunidade foi substituída por Liberdade, Armas, Bolsonaro e Trump. 

"O conceito de LGBT foi atualizado com sucesso por uma equatoriana que mora na Argentina e me deu essa camisa aqui no Brasil. Curtiram?", escreveu o filho do presidente que quer ser embaixador do Brasil nos Estados Unidos.

"O malabarismo que esse pessoal precisa fazer pra meter um LGBT na camiseta é impressionante. Acho que essa nem Freud explica...", comentou o jornalista William De Lucca, ativista digital, lgbt e de direitos humanos.

"Faltou o Q de Queiroz!", disse outro internauta.

Levatamento feito pelo Grupo Gay da Bahia revelou que a cada 20 horas uma pessoa LGBT é assassinada no Brasil, o que torna o país o recordista mundial de crimes contra minorias sexuais e de gênero.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247