Em março, Bolsonaro afirmou que presos não deveriam ser soltos na pandemia: 'mais protegidos na cadeia'

Nesta quinta-feira, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro Fabrício Queiroz foi solto com base na resolução do CNJ, que relaxa medidas cautelares com base na pandemia de Covid-19. A soltura de Queiroz alivia a tensão no núcleo bolsonarista

Jair Bolsonaro, João Otávio de Noronha e Fabrício Queiroz
Jair Bolsonaro, João Otávio de Noronha e Fabrício Queiroz (Foto: ABR | Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Nesta quinta-feira (9) o presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio de Noronha, concedeu o direito de prisão domiciliar ao ex-assessor de Flávio Bolsonaro Fabrício Queiroz com base na resolução do CNJ, que relaxa medidas cautelares com base na pandemia de Covid-19.

Em março, Jair Bolsonaro havia defendido que nenhum preso fosse libertado por conta da pandemia. "Eu, se depender de mim, não soltaria ninguém. Afinal de contas, [os presos] estão muito mais protegidos dentro da cadeia, porque nós proibimos as visitas íntimas, proibimos as visitas também nos presídios, de modo que estão bem protegidos lá dentro", disse Bolsonaro à RedeTV, criticando a recomendação do CNJ de transferir para o regime domiciliar os presos que são do grupo de risco.

A resolução criticada por Bolsonaro foi justamente a acionada pela defesa de Queiroz para libertá-lo. A decisão de Noronha, que vai contra o que disse Bolsonaro em março, beneficia o núcleo bolsonarista, na medida em que alivia as tensões.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email