Em pronunciamento, ministro da Educação diz que retorno às aulas presenciais é uma "necessidade urgente"

"O Brasil não pode continuar com as escolas fechadas gerando impacto negativo nestas e nas futuras gerações", disse Milton Ribeiro. Cabe aos estados e municípios tomarem a decisão sobre o retorno às aulas presenciais

Milton Ribeiro
Milton Ribeiro (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - Em pronunciamento em rede nacional de televisão e rádio na noite desta terça-feira (20), o ministro da Educação, Milton Ribeiro, defendeu o retorno às aulas presenciais em todo o país. 

"Quero neste momento conclamá-los ao retorno às aulas presenciais. O Brasil não pode continuar com as escolas fechadas gerando impacto negativo nestas e nas futuras gerações", afirmou.

Por lei, cabe aos estados e municípios decidirem sobre o retorno às aulas presenciais, respectivamente, na rede estadual e municipal de ensino.

PUBLICIDADE

A retomada da modalidade usual das aulas é, segundo Ribeiro, uma "necessidade urgente". "Estudos da Unesco, da Unicef e da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico apontam que o fechamento de escolas traz consequências devastadoras, como a perda de aprendizagem, do progresso do conhecimento, da qualificação para o trabalho e o aumento do abandono escolar. Sem falarmos das implicações emocionais".

Inscreva-se no canal de cortes da TV 247 e saiba mais:

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email