Embaixadora do Criança Feliz, Marcela Temer nunca foi a uma reunião do programa

Das cinco reuniões já realizadas para definir as estratégias do programa Criança Feliz, do governo federal, Marcela Temer não participou de nenhuma; já são três meses desde que a iniciativa foi lançada, trazendo a primeira-dama como embaixadora das atividades de divulgação, promoção de eventos e encontros com gestores estaduais e municipais; de acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, responsável pelo projeto, Marcela se encontra periodicamente com o ministro Osmar Terra, porém, na agenda oficial, não há registros dessas reuniões

Brasília - DF, 03/08/2016. Presidente em Exercício Michel Temer e a Primeira-dama, Marcela Temer durante solenidade de apresentação de oficiais-generais recém-promovidos. Foto: Carolina Antunes/PR
Brasília - DF, 03/08/2016. Presidente em Exercício Michel Temer e a Primeira-dama, Marcela Temer durante solenidade de apresentação de oficiais-generais recém-promovidos. Foto: Carolina Antunes/PR (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Revista FórumDas cinco reuniões já realizadas para definir as estratégias do programa Criança Feliz, do governo federal, Marcela Temer não participou de nenhuma. Já são três meses desde que a iniciativa foi lançada, trazendo a primeira-dama como embaixadora das atividades. Ela foi designada para a divulgação, promoção de eventos e encontros com gestores estaduais e municipais.

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, responsável pelo projeto, Marcela se encontra periodicamente com o ministro Osmar Terra. Porém, na agenda oficial, não há registros dessas reuniões. A única ação pública dos dois juntos ocorreu em uma visita a um hospital de Brasília no dia 16 de novembro.

O Criança Feliz, voltado a dar assistência a crianças pobres nos três primeiros anos de vida, é uma das poucas ações do governo Temer na área social, sendo que a verba destinada para o ano que vem é de R$ 300 milhões. A meta para 2017 é atender um milhão de crianças. Em 2016, nenhuma delas foi contemplada. Segundo o governo, isso ocorreu porque o programa estava em fase de implementação.

Com informações da CBN

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email