Enem começa para 8 milhões, em meio a incerteza judicial

Pelo menos 240 mil alunos deixarão de realizar as provas, em razão das ocupações de escolas; de acordo com o Inep, estudantes que não receberam aviso sobre cancelamento deverão se dirigir aos locais das provas

Florianópolis – 31.07.09 Rep. Nanda Gobbi – Foto Diego Redel – Geral Assunto: Simulado Prova do Enem Personagens: Alunos do ensino médio fazem teste proposto pelo Diário Catarinense.
Florianópolis – 31.07.09 Rep. Nanda Gobbi – Foto Diego Redel – Geral Assunto: Simulado Prova do Enem Personagens: Alunos do ensino médio fazem teste proposto pelo Diário Catarinense. (Foto: Leonardo Attuch)

Do portal do MEC – O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) reafirma que aplicará o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 nos dias 5 e 6 de novembro aos mais de 8 milhões de inscritos alocados em escolas que não estejam sofrendo ocupações. O Inep orienta que os inscritos que não tenham recebido qualquer comunicado oficial do órgão, por e-mail ou SMS, informando a transferência da data da sua prova para 3 e 4 de dezembro, devem se encaminhar, normalmente, para o local de aplicação sinalizado em seu Cartão de Confirmação.

Caso cheguem nesses locais e estes estejam ocupados, não acontecerá a aplicação do Enem 2016, porém, haverá coordenadores do Consórcio Aplicador do Exame para repassar as orientações necessárias. Aqueles que não participarem das provas no próximo final de semana em razão das ocupações poderão fazer o Exame em 3 e 4 de dezembro, com segurança e isonomia.

Todos os inscritos que fariam as provas em locais ocupados e que já constam na lista divulgada pelo Inep no início da tarde desta sexta-feira, e aqueles já avisados por SMS ou e-mail, não precisam se dirigir a esses locais, pois seu exame já está adiado para 3 e 4 de dezembro, em novos endereços de aplicação que serão divulgados oportunamente.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247