Enem vai ser 100% digital até 2026, diz Inep

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não aplicará mais o Enem em papel a partir de 2026; de acordo com o novo presidente do Inep, Alexandre Lopes, a transição do papel para o computador começará em 2020 com um projeto-piloto para 50 mil candidatos de 15 capitais

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não aplicará mais o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em papel a partir de 2026.

De acordo com o novo presidente do Inep, Alexandre Lopes, a transição do papel para o computador começará em 2020 com um projeto-piloto para 50 mil candidatos de 15 capitais.

"As primeiras aplicações digitais serão opcionais", informou o Ministério da Educação em uma nota distribuída à imprensa, explicando que a estimativa de custo do projeto-piloto é de R$ 20 milhões. 

"Os participantes poderão escolher, no ato de inscrição, pela aplicação piloto no modelo digital ou pela tradicional prova em papel", diz o comunicado.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247