Estudante furta ônibus no Rio

Aparentemente drogado, ele bateu em diversos veculos antes de ser detido pela polcia

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Um estudante de Direito furtou um ônibus, na manhã de hoje, na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio, e só parou em Botafogo, na zona sul, após ser perseguido pela polícia. No caminho, bateu contra diversos veículos. De acordo com a Polícia Militar, o estudante Pedro Henrique Garcia de Souza, de 24 anos, estava aparentemente sob o efeito de entorpecentes.

O rapaz assumiu o volante do ônibus no Terminal Alvorada, após sair de uma festa à fantasia. O veículo estava vazio e com a chave na ignição. Após ser abordado por PMs no Jardim Botânico, ele não atendeu às ordens e seguiu viagem. A perseguição só terminou na rua Voluntários da Pátria, próximo à estação de metrô de Botafogo.

Pelo menos uma pessoa teria ficado ferida. A PM está percorrendo o itinerário feito pelo ônibus para avaliar os estragos, checar se há mais feridos e quantos carros foram atingidos. O jovem foi encaminhado à 12ª DP (Copacabana).

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247