Fachin determina que Bolsonaro explique critérios para nomeação de reitores das universidades federais

Ministro do STF Edson Fachin determinou, no âmbito de uma ação impetrada pela OAB, que Jair Bolsonaro preste informações sobre os critérios utilizados na nomeação de reitores e vice-reitores de universidades federais

Edson Fachin e Bolsonaro
Edson Fachin e Bolsonaro (Foto: STF | Isac Nóbrega/PR)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin determinou que Jair Bolsonaro preste informações sobre os critérios utilizados na nomeação de reitores e vice-reitores de universidades federais. 

O despacho de Fachin foi proferido na terça-feira(17), na esfera de uma ação movida pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) que pede que a nomeação contemple os primeiros nomes das lista tríplices enviadas pelas universidades. 

De acordo com reportagem do blog do jornalista Fausto Macedo, Fachin também pediu que a Advocacia-Geral da União e da Procuradoria-Geral da República se manifestem sobre o assunto com “máxima celeridade’, uma vez que a ação da OAB trata da autonomia universitária assegurada pela Constituição. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247