#Fail no Black Friday

Lojas brasileiras tentam reproduzir promoo americana e decepcionam clientes

www.brasil247.com - #Fail no Black Friday
#Fail no Black Friday (Foto: heitordias)


Lucas Reginato_247 - Inspiradas em ações norte-americanas, lojas brasileiras acordaram mais cedo nesta sexta-feira para promover o Black Friday – uma temporada de promoções atrativas ao consumidor. Nos Estados Unidos, o dia ocorre sempre após o Thanksgiving Day (Dia de Ação de Graças), em novembro. Mas o que foi chamado pelo Extra brasileiro de “Maior Liquidação do Mundo” não agradou tanto assim aos consumidores, que reclamaram bastante das condições insuficientes oferecida pela rede do Grupo Pão de Açúcar. 

“Eu não acordei às três horas da manhã para comprar um cesto de roupa suja”, reclama José Nilton Sinelson. Inconformado, ele levantou cedo para aproveitar as promessas do Extra de até 70% de desconto. Queria comprar uma televisão nova e acabou sendo surpreendido com preços nada atraentes na filial de Ceilândia, no Distrito Federal. “Eu encontrei até alguns preços mais altos do que tinha visto tempos atrás”, afirma Nilton.

No Twitter, muitas outras pessoas se queixaram da falta de produtos na promoção. O tuiteiro @dataclipe postou: “Diferentemente da Black Friday da gringa, a do Extra é pura enrolação. Fala sério!”. Já @nilnew informou: “nenhum desconto significativo”. Segundo Sinelson, 90% das pessoas que estavam na loja de Ceilândia manifestaram a insatisfação. “Todo mundo estava comprando o cesto de roupa suja”, ironizou, dizendo que essa era a oferta mais atraente da rede de lojas.

Procurada pelo Brasil 247, a assessoria do Extra informa que os problemas são pontuais e que, embora Brasília tenha recebido as mesmas ofertas das outras cidades do País, sempre vai haver insatisfeitos, que acabam desapontados por não encontrar o produto específico que gostariam.

Ainda segundo a assessoria do Extra, o saldo é positivo, e as lojas estão recebendo “estoques e mais estoques” de televisores. No período das 4 horas até meia-noite, quando a loja fecha, a expectativa é de superar em até 70% as vendas do Black Friday virtual do ano passado. 

As mensagens negativas não foram unânimes. Alguns tuiteiros saíram satisfeitos com as novas aquisições, como pode testemunhar @viniciusbogado: “estava rolando um black friday no extra irado ahahahahahaha geral correndo com tv e etc”. O comentário mais recorrente, no entanto, foi mesmo descrevendo o #blackfriday como um grande #fail.

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email