Freixo: Bolsonaro sempre foi e continuará sendo um inimigo da democracia

Deputado Marcelo Freixo criticou a declaração de Jair Bolsonaro que afirmou ter mais poder que o Legislativo, uma vez que possui o poder de governar por decreto; "Com uma caneta bic na mão e nenhuma ideia na cabeça, @jairbolsonaro ameaça governar por decreto, atropelando o Legislativo. O presidente é um fanático medíocre aspirante a autocrata. Sempre foi e continuará sendo um inimigo da democracia", postou

Freixo: Bolsonaro sempre foi e continuará sendo um inimigo da democracia
Freixo: Bolsonaro sempre foi e continuará sendo um inimigo da democracia
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) criticou a declaração do presidente Jair Bolsonaro que afirmou ter mais poder que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), uma vez que "com a caneta" que possui tem o poder de governar por decreto.

"Com uma caneta bic na mão e nenhuma ideia na cabeça, @jairbolsonaro ameaça governar por decreto, atropelando o Legislativo. O presidente é um fanático medíocre aspirante a autocrata. Sempre foi e continuará sendo um inimigo da democracia", escreveu Freixo no Twitter.

A declaração de Bolsonaro foi feita nesta terça-feira (28), mesma dia em que o governo anunciou ter firmado um pacto entre os três Poderes visando aprovar as reformas da Previdência e tributária, além de outros projetos de interesse do governo, como o pacote anticrime proposto pelo ministro da Justiça, Sérgio Moro.

Confira a postagem de Marcelo Freixo sobre o assunto. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247