Frio voltando para SP: semana gelada com chance de recorde

Sensao de hoje bem mais fria que a de ontem; no Sul, um ciclone extratropical se forma entre o Brasil, o Uruguai e a Argentina, com ventos que podem superar os 80 km/h

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Yan Bim, com informações do Instituto Climatempo – Esta primeira semana de agosto certamente vai dividir opiniões em relação ao tempo. Quem estava com saudade das baixas temperaturas vai comemorar. Quem gostou do calor que predominou em julho, vai torcer o nariz para o tempo.

Agosto começou com uma virada. A passagem de uma frente fria no fim de semana trouxe chuva para a Grande São Paulo e baixou a temperatura. Nesta terça-feira, a temperatura máxima ficará em torno dos 21 graus e a mínima em 16 graus. Na tarde da última sexta-feira, o paulistano sentiu um calor de quase 28 graus. A chuvinha do fim de semana veio em boa hora para baixar a poeira e melhorar a qualidade do ar.

A sensação de frio na Grande SP hoje já é bem maior do que a de ontem. As madrugadas de quarta, quinta e sexta-feira serão geladas. O paulistano pode se preparar para sair de casa de manhã cedo com temperaturas abaixo dos 10 graus. Não se poderia descartar nem a chance de um novo recorde de frio até a sexta-feira.

O sol vai reaparecer a partir de quarta-feira, mas não vai dar conta de esquentar o ar polar. Os termômetros na cidade de São Paulo só devem voltar a superar os 20 graus a partir da tarde do próximo sábado, 6 de agosto.

Ontem, ventos constantes de 43 km/h foram registrados às 15 horas pelo aeroporto de Bagé, na fronteira do Rio Grande do Sul com o Uruguai. Com esta velocidade de vento, a sensação térmica chegou a 1 grau, embora a temperatura real do ar fosse de 12 graus.

Um novo ciclone extratropical está se formando entre o Brasil, o Uruguai e a Argentina. Este sistema estará completamente organizado até a manhã desta terça-feira e provoca os ventos fortes no Rio Grande do Sul. As rajadas mais intensas poderão superar os 80 km/h. O vento forte vai aumentar ainda mais o frio que está chegando ao sul do Brasil, com a entrada de uma nova massa polar. O ciclone extratropical se afasta do Rio Grande do Sul na quarta-feira e o vento então diminui. O mar fica bastante agitado na costa gaúcha nos próximos dias. Até a quarta-feira, 3 de agosto, as embarcações devem evitar a navegação.

No Norte, uma frente fria avança pelo interior, provocando aumento da nebulosidade e chuva no Acre. Em Roraima, haverá muitas nuvens, períodos de sol e chuva a qualquer hora do dia. Tempo firme, com sol e sem chuva nas demais áreas do Norte e do Nordeste. O predomínio de uma grande massa de ar seco deixa o tempo aberto e dificulta a formação de nuvens de chuva em quase toda a região. No centro-norte do Maranhão e no norte do Piauí e do Ceará, terá Sol e pancadas rápidas de chuva, porém apenas pela manhã. No Centro-Oeste, uma frente fria provoca queda de temperatura em Mato Grosso do Sul. No sul de Goiás e de Mato Grosso há sol com aumento de nuvens e queda de temperatura. Sol e calor predominam nas demais áreas do Centro-Oeste.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email