Gilmar Mendes critica "ausência" do Ministério da Justiça na crise

"No máximo eu tenho ouvido um muxoxo ou outro, comentário ou outro, sobre liberação de presos. Acho que o Ministério da Justiça, pela sua tradição, precisa se fazer presente nesse debate", disse Gilmar Mendes, criticando a postura ausente de Sergio Moro

Gilmar Mendes e Sergio Moro
Gilmar Mendes e Sergio Moro (Foto: STF | Senado)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Em entrevista ao UOL, o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), criticou a postura do Ministério da Justiça, comandado por Sergio Moro, diante da crise provocada pela pandemia do novo coronavírus. Segundo ele, a área jurídica do governo federal está "ausente" nas discussões.

"Eu tenho sentido a ausência do Ministério da Justiça nesse debate. Temos controversas jurídicas, complexas, entre união, estados e municípios, conflitos que existem e são qualificados, e eu não tenho visto o Ministério da Justiça participar desse debate", disse o ministro, enfatizando que só tem ouvido comentários sobre a liberação de presos.

"No máximo eu tenho ouvido um muxoxo ou outro, comentário ou outro, sobre liberação de presos. Acho que o Ministério da Justiça, pela sua tradição, precisa se fazer presente nesse debate. Há questões jurídicas muito complexas", reforçou.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email