Gilmar Mendes: “Lula é digno de julgamento justo”

"Eu digo sempre: Lula é digno de um julgamento justo", disse o ministro do STF Gilmar Mendes. "Nós temos que encerrar com essa preocupação midiática de julgar o Lula", afirmou

www.brasil247.com - Gilmar Mendes e o ex-presidente Lula
Gilmar Mendes e o ex-presidente Lula (Foto: ABr | Felipe L. Gonçalves/Brasil247)


247 - O ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes afirmou, nesta terça-feira (2), que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva "merece um julgamento digno". "Nós temos que encerrar com essa preocupação midiática de julgar o Lula tendo em vista esse desiderato: fazê-lo inelegível. Eu digo sempre: Lula é digno de um julgamento justo", disse ele em entrevista ao programa do Datena. 

A declaração veio após especulações de um possível golpe no Brasil, com a hipótese de o Judiciário aceitar a suspeição Moro na condenação de Lula, porém sem devolver os direitos políticos do petista, para não deixá-lo, eventualmente, disputar a eleição de 2022.

Em outra entrevista, à rádio Bandeirantes, Gilmar havia apontado condutas ilegais de Sérgio Moro ao afirmar que o ex-juiz trabalhava na Operação Lava Jato "como se fosse o coordenador do grupo de procuradores".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em novos diálogos obtidos pela defesa de Lula, no âmbito da Operação Spoofing, Deltan Dallagnol deixou clara a parcialidade da operação. "O material que o Moro nos contou é ótimo. Se for verdade, é a pá de cal no 9 e o Márcio merece uma medalha", disse o então procurador. 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em uma das mensagens, trocadas em 16 de fevereiro de 2016 e incluída pela defesa de Lula na ação, Moro perguntou a Dallagnol se os procuradores têm uma "denúncia sólida o suficiente".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com a Vaza Jato, Moro também chegou a questionar a capacidade de a procuradora Laura Tessler participar de audiências que envolvessem o ex-presidente Lula, condenado sem provas no processo do triplex em Guarujá (SP), após ser acusado de ter recebido um apartamento como propina da OAS. O petista nunca dormiu nem tinha a chave do imóvel. 

Em sua conta no Twitter, o jornalista Leandro Demori destacou que o acervo com a defesa de Lula é bem maior do que a Vaza Jato, que apontou várias irregularidades da operação.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Em dezembro do ano passado foi divulgado um documento da consultoria Alvarez & Marsal (EUA), que contratou Moro, atribuindo o apartamento como sendo da OAS e não de Lula

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email