Gilmar tem 6 pedidos de impeachment: 2 engavetados e 4 em banho maria

Nada abala a segurança de Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal, nem os seis pedidos de impeachment protocolados contra ele; dois deles já foram engavetados graças à forte influência política do ministro; os quatro pedidos restantes dependem da boa vontade de Eunício Oliveira (PMDB-CE), atual presidente da Casa; reportagem do site The Intercept

President of the Superior Electoral Court Gilmar Mendes smiles during a session where Brazil's electoral court will take up a 2014 case that could unseat President Michel Temer, in Brasilia, Brazil June 9, 2017. REUTERS/Ueslei Marcelino
President of the Superior Electoral Court Gilmar Mendes smiles during a session where Brazil's electoral court will take up a 2014 case that could unseat President Michel Temer, in Brasilia, Brazil June 9, 2017. REUTERS/Ueslei Marcelino (Foto: Charles Nisz)

Por Helena Borges e George Marques, do The Intercept - Nada abala a segurança de Gilmar Mendes. Nem o Ministério Público, nem as mais de 790 mil assinaturas que pedem por sua saída, nem mesmo os seis pedidos de impeachment protocolados no Senado desde novembro passado.

Dois deles já foram engavetados graças à forte influência política do ministro, um favor que ele deve a Renan Calheiros (PMDB-AL), ex-presidente do Senado. Os quatro pedidos restantes dependem da boa vontade de Eunício Oliveira(PMDB-CE), atual presidente da Casa.

Pelos sorrisos registrados na foto abaixo, tirada em março durante uma reunião dos dois com Michel Temer e Rodrigo Maia (DEM-RJ), dá para entender por que nem mesmo os autores dos pedidos acreditam que a papelada sairá da gaveta do peemedebista.

Leia aqui a íntegra da reportagem.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247