'Governo brasileiro deve defender o Brasil, não os interesses dos EUA', diz Flávio Dino a Guedes

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), rebateu às declarações do ministro da Economia Paulo Guedes, que disse que a China gera 'mal-estar na civilização ocidental'; "O que gera "mal-estar" é ficar atacando o principal parceiro comercial do Brasil", enfatizou Flávio Dino

'Governo brasileiro deve defender o Brasil, não os interesses dos EUA', diz Flávio Dino a Guedes
'Governo brasileiro deve defender o Brasil, não os interesses dos EUA', diz Flávio Dino a Guedes
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Após jantar do presidente Jair Bolsonaro com formadores de opinião ligados à direita americana, nesta segunda-feira (18), o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse à jornalistas em Washington, que a China gera um "mal-estar na civilização ocidental".

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), rebateu o ministro pelas redes sociais afirmando que "o que gera 'mal-estar' é ficar atacando o principal parceiro comercial do Brasil".

Ele disse ainda que o que causa de mal-estar são as ameaças a "interesses legítimos de nossas empresas e a preservação de empregos".

"Cabe ao governo brasileiro defender o Brasil, não ficar cuidando dos interesses dos Estados Unidos", acrescentou Flávio Dino.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247