Governo libera R$ 441 milhões em emendas prometidas a deputados em troca de votos a favor da Previdência

O Ministério da Saúde liberou nesta segunda-feira (23) R$ 441 milhões em emendas para municípios indicados por parlamentares que votaram a favor da reforma da Previdência

Votação da PEC da Previdência
Votação da PEC da Previdência (Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Depois de muita pressão de deputados que cobravam a liberação de emendas prometidas pelo governo nas votações da reforma da Previdência e do Coaf, o Ministério da Saúde liberou, nesta segunda-feira (23), R$ 441 milhões para municípios indicados por parlamentares. A informação é do jornal O Globo.

Do valor total, R$ 26 milhões são referentes a emendas individuais, cujo pagamento é obrigatório por lei. O restante são verbas direcionadas pelos deputados em negociações informais.

No acordo para votar a reforma da Previdência, o governo se comprometeu que poderia indicar R$ 20 milhões neste ano em verbas extras, ou seja, cujo pagamento já não seria obrigatório no Orçamento. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247