Greenwald: 'Moro tem a memória mais incapacitada da história do cérebro humano'

Glenn Greenwald, jornalista e editor do The Intercept, ironizou o discurso do ministro Sergio Moro que insiste em dizer que não se lembra das conversas reveladas pela Vaza Jato; Glenn compartilhou um tuíte que destaca que o apresentador Fausto Silva confirmou o teor de uma conversa que teve com Moro em 2016, diferentemente do ex-juiz que parece ter até memória seletiva

247 - O jornalista Glenn Greenwald, editor do The Intercept, ironizou o discurso do ministro Sergio Moro que insiste em dizer que não se lembra das conversas reveladas pelo site que mostram sua atuação em conluio com os procuradores da Lava Jato.

"Ou Sergio Moro tem a memória mais incapacitada da história do cérebro humano, ou ....", escreveu Gleen, compartilhando um tuíte do perfil JornalismoWando que diz:  "Sergio Moro não lembra de nada, mas o Faustão lembra. Aí que o barraco desabou".

Trata-se da conversa divulgada pela reportagem Intercept-Veja desta semana que revela que o apresentador Fausto Silva, da Rede Globo, ligou para Moro para orientar os procuradores sobre a liguagem que deveriam usar. Diferentemente de Moro, Fasto Silva lembrou da conversa realizada em 2016 e confirmou  teor da conversa.

"Ou seja: para qualquer pessoa minimamente racional, o jogo que Moro e Deltan têm jogado  - insinuando (mas nunca alegando) que o material não é autêntico fingindo ter amnésia -, agora acabou", completou.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247