CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
Brasil

Intelectuais assinam manifesto pró-Dirceu

Com assinaturas coletadas pelo cineasta Luís Carlos Barreto, texto a ser encaminhado ao STF pede que não seja feito prejulgamento e tem assinaturas de personalidades como Oscar Niemeyer, Alceu Valença, Bresser Pereira, Emir Sader e Eric Nepomuceno

Intelectuais assinam manifesto pró-Dirceu (Foto: Edição 247)
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

✅ Receba as notícias do Brasil 247 e da TV 247 no canal do Brasil 247 e na comunidade 247 no WhatsApp.

247 – O ex-ministro José Dirceu, que será julgado na semana que antecede as eleições de 7 de outubro, conta com um pequeno trunfo: um manifesto de intelectuais, que será encaminhado ao Supremo Tribunal Federal, cujo teor pede que não se faça prejulgamento na Ação Penal 470.

Com cerca de 200 adesões até agora e assinaturas coletadas pelo cineasta Luís Carlos Barreto, o manifesto conta com personalidades como o arquiteto Oscar Niemeyer, o músico Alceu Valença, o economista Bresser Pereira e os escritores Emir Sader e Eric Nepomuceno.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Niemeyer diz que assinou o texto porque enxerga uma campanha organizada contra Dirceu. “Um exagero”, diz ele.

Em relação ao STF, é pouco provável que o manifesto tenha qualquer peso em relação à decisão dos ministros, mas, ao menos, servirá para conferir um caráter político à eventual condenação de Dirceu.

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

iBest: 247 é o melhor canal de política do Brasil no voto popular

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO

Carregando...

CONTINUA APÓS O ANÚNCIO
CONTINUA APÓS O ANÚNCIO