Jessé: golpe já é consenso no meio acadêmico

Autor do clássico A Elite do Atraso e apresentador do programa A Batalha das Ideias na TV 247, o sociólogo Jessé Souza avaliou que já é consenso nas universidades brasileiras a percepção de que a retirada da presidente Dilma Rousseff foi golpe parlamentar que solapou a democracia; "O golpe está começando a se tornar um consenso, inclusive em todas as classes. Apesar da imprensa, o que é um milagre", disse Jessé; pelo menos 13 universidades públicas brasileiras irão oferecer a disciplina sobre o golpe parlamentar de 2016, idealizada pelo professor da UnB Luis Felipe Miguel

Autor do clássico A Elite do Atraso e apresentador do programa A Batalha das Ideias na TV 247, o sociólogo Jessé Souza avaliou que já é consenso nas universidades brasileiras a percepção de que a retirada da presidente Dilma Rousseff foi golpe parlamentar que solapou a democracia; "O golpe está começando a se tornar um consenso, inclusive em todas as classes. Apesar da imprensa, o que é um milagre", disse Jessé; pelo menos 13 universidades públicas brasileiras irão oferecer a disciplina sobre o golpe parlamentar de 2016, idealizada pelo professor da UnB Luis Felipe Miguel
Autor do clássico A Elite do Atraso e apresentador do programa A Batalha das Ideias na TV 247, o sociólogo Jessé Souza avaliou que já é consenso nas universidades brasileiras a percepção de que a retirada da presidente Dilma Rousseff foi golpe parlamentar que solapou a democracia; "O golpe está começando a se tornar um consenso, inclusive em todas as classes. Apesar da imprensa, o que é um milagre", disse Jessé; pelo menos 13 universidades públicas brasileiras irão oferecer a disciplina sobre o golpe parlamentar de 2016, idealizada pelo professor da UnB Luis Felipe Miguel (Foto: Aquiles Lins)

247 - O sociólogo Jessé Souza, apresentador do programa Batalha das Ideias, na TV 247, afirmou que a percepção da retirada da presidente Dilma Rousseff sem comprovação de crime de responsabilidade em 2016 já é um consenso nas universidades brasileiras de que foi um golpe parlamentar. 

"O golpe está começando a se tornar um consenso, inclusive em todas as classes. Apesar da imprensa, o que é um milagre", disse Jessé. Segundo o autor do livro A Elite do Atraso, esta informação está chegando à população por outros meios que não a grande imprensa, como pela internet, pelas experiências diárias e pelo boca-a-boca. "Por conta disso, os canais de televisão, como a Rede Globo, estão tendo menos audiência", acrescenta. 

Pelo menos 13 universidades públicas brasileiras irão oferecer a disciplina sobre o golpe parlamentar de 2016, idealizada pelo professor da UnB Luis Felipe Miguel. 

Na UnB, a disciplina "Tópicos Especiais em Ciência Política 4: O golpe de 2016 e a democracia", do professor Luís Felipe Miguel, ficou lotada e com lista de espera.  Clique aqui para ler a ementa divulgada e os textos que serão debatidos.

Inscreva-se na TV 247 e assista a trecho do programa A Batalha das Ideias, co Jessé Souza:

 

Veja, abaixo, as universidades que terão aulas sobre o "Golpe de 2016":

UnB (Universidade de Brasília);

UFBA (Universidade Federal da Bahia);

UFAM (Universidade Federal do Amazonas);

Unicamp (Universidade Estadual de Campinas);

UEPB (Universidade Estadual da Paraíba);

UFMS (Universidade Federal do Mato Grosso do Sul);

USP (Universidade de São Paulo);

UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul);

UFC (Universidade Federal do Ceará);

UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte);

UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina);

UFJF (Universidade Federal de Juiz de Fora);

UFSJ (Universidade Federal de São João del-Rei).

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247